Porque precisamos escolher bem o que fazer em nosso dia a dia. As nossas escolhas definem a nossa qualidade de vida.


Menu

terça-feira, 15 de agosto de 2017

DICAS LITERÁRIAS: NOVIDADES RECENTES EM PATRÍCIA TENÓRIO







Índex* - Julho, 2017
Uma água de côco Um sonho nas mãosMas o solSe esconde por trás daChuvaE posso ouvirA terra cantarDa terra brotarFlores particulares Ainda ontemAndei meu primeiro passoDoei meu primeiro beijo E nem pareceQue o tempo passouOu passouNas gotas grossas deChuvaQue mergulhamEm meus cabelos(“A trégua”, Patricia (Gonçalves) Tenório, 10/07/17, cerca de 16h10)Uma trégua para a Paz, para a Vida, para a Escrita Criativa no Índex de Julho do blog de Patricia (Gonçalves) Tenó(...) 

Pequeno conto de sonhos* | Patricia (Gonçalves) Tenório**
Pinup sentia-se presa como se estivesse em uma caixa de fósforos, os palitos de fósforos bem apertadinhos.Ele vinha toda noite e a levava para jantar; depois a usava até os ossos, até a madeira do palito de fósforo.Uma noite ele não veio. Pinup esperou. Ela ficou ansiosa, roendo as unhas das mãos e pensou em roer as unhas dos pés. Mas achou os pés sujos da poeira do lugar em que estava presa.Resolveu pegar uma vassoura e limpar. Como era um lugar pequeno, varreu muitas vezes, tantas vezes que começ(...) 

O FANTASMA DE LICÂNIA (PARTE XI)* | Clauder Arcanjo**
Para Sherlock Holmes(In memoriam) — Desde ontem que você anda muito calado, mestre Acácio! — ponderou o fiel ajudante Dandora.Um suspiro longo como resposta.— Algo a ver com a conversa com o prefeito? — inquiriu Dandora, de pronto.Dois suspiros longos como resposta.— Os seus assessores estão desde cedo na Praça, Acácio, e você aí a… Como eu poderia dizer? Sim, a suspirar.Três suspiros, ainda mais longos, como única resposta.Dandora sabia que aquela suspirança toda não iria dar em nada; então, resolveu agir.O pior remédio é não (...) 

Um conto e um poema de Alexandra Lopes Da Cunha*
Pedido de NatalA mãe diz: temos sorte de estar vivos. Que espécie de sorte é essa, pensa Anna, cheia de fome, toda ela transformada em falta. Privações, tempos duros, tempos tristes, intermináveis. A sua vida mal começara e parecia já tão gasta: olhava as próprias mãos, cobertas de frieiras, os cabelos a caírem em tufos, os joelhos ossudos. Chega a duvidar que já vivera outra vida, uma vida: com alegrias, comida farta. Lembra-se de que havia bolos, leite, ovos e natas. Geleias, abundância. Até a palavra agora lhe parece untuosa, (...) 

"Entre a neve e o deserto"* | Gisela Rodriguez**
1.Hoje começa a terapia. Quanto tempo?, pergunto como se voltasse para o lugar de onde não saí, e outra vez ouço: o necessário. Uma corrente invisível me prende nessa situação e como um recém-nascido dependo dos mais velhos para sobreviver. Condenado às regras da imensa burocracia por uma vida plausível. Uma guerra invisível, sem baixas nem feridos e sem medalhas, no entanto, com tudo de psicologicamente assustador. Bilhões de pessoas sobrevivem nessa hora. Cada ser humano, um por um, com detalhes de uma intimidade irreconhecível para outros, formando (...) 

"Convalescente"* | Magno Catão
autobiografia. Dizem-me sempre que tenho olhos pretos e expressivos.Não sei por que, se sempre fui míope,Miro o tempo como se ele tivesseUm espelho me concedendo meus segredos de alma.Há um dilúvio estrepitoso no vagar dos meus olhos:Tenho a mania de ser um perdido inocente.Não decoro caminhos, continuo encarando-osEm pontilhados pretos-e-brancos, pretos-e-brancos.Quando criança, confundia urubus com galinhas negrasVelando o corpo do bicho podre adormecido;Imaginava as placas Lombadas,Nas estradas poeirentas do interior,Prenunciando cidades montanhescas de mesma alcunha.Aceitei a contragosto que nuvens não eram (...) 

Serra da Capivara e seus mistérios |Mara Narciso*
19 de julho de 2017A BandNews apresentou na semana passada uma série de reportagens sobre o Parque Nacional da Serra da Capivara (criado em 1979), no Piauí. Em tudo o lugar impressiona, desde sua beleza geográfica, cheia de cânions, até seus habitantes do passado, os homens pré-históricos, que segundo a datação com carbono 14 aconteceu desde há 100 mil anos, e os atuais, os macacos-prego que fazem armas de pedra lascada e cutucam frestas com gravetos para capturar bichos vivos.A UNESCO declarou o lugar Patrimônio da Humanidade em 2014, e a (...) 

Grupo de Estudos em Escrita Criativa | Julho, 2017
Não lembro exatamente quando o nome me foi dedicado, mas lembro perfeitamente quem o dedicou. Meu avô paterno, O Major de meu primeiro livro,[1]  José Tenório de Albuquerque Lins, gostava de me contar estórias de uma corujinha que vivia nas matas do interior de Alagoas, e essa coruja possuía filhotes, e esses filhotes eram os mais lindos do mundo. Veio um gavião e os comeu, achando que não poderiam ser os filhotes da mãe-coruja, visto serem extremamente feios.Foi assim, sentada no colo de meu avô, que ele me chamou  pela primeira (...) 

PatriciaTenório.com.br | Facebook | @PatriciaTenori3

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

DICAS DE SAÚDE: VISTA CANSADA PODE GERAR DOR DE CABEÇA


A vista cansada ao assistir TV ou usar o computador pode ocasionar fortes dores de cabeça. Assim como a má postura, o estresse e outros fatores.

Para ajudar a determinar se a vista cansada é o vilão e, neste caso, minimizar o problema, a Fundação Nacional da Cefaleia dos Estados Unidos dá as seguintes sugestões:

1) Submeta-se a um check-up completo dos olhos e trate eventuais problemas de visão

2) Use uma tela antirreflexo no computador, ou ainda, use óculos escuros para evitar o reflexo

3) Sente-se numa postura correta ao usar o computador e ao assistir TV

4) Faça pausas frequentes do computador. Deixe a mesa de trabalho por alguns minutos, alongue o pescoço, os braços e as costas

5) Feche os olhos e respire profundamente durante a pausa

Lembre-se que qualquer sintoma deve ser levado ao conhecimento do médico. Só ele poderá fazer um diagnóstico completo e com resultados confiáveis.













quinta-feira, 6 de julho de 2017

EM PAUTA: CONCURSO NACIONAL NOVOS POETAS. PRÊMIO CNNP 2017.

Esta é uma boa notícia para quem escreve poesias e está querendo publicá-las. Estão abertas as inscrições para o Concurso Nacional Novos Poetas, Prêmio CNNP 2017.

Podem participar do concurso todos os brasileiros natos ou naturalizados, maiores de 16 anos.

Cada candidato pode inscrever-se com até dois poemas de sua autoria, com texto em língua portuguesa.

O tema é livre, assim como o gênero lírico escolhido. Serão 250 poemas classificados.

A classificação dos poemas resultará no livro: Prêmio CNNP 2017. Antologia Poética.

 O certame está entre os mais destacados concursos literários da língua portuguesa.

Concurso Literário é uma importante iniciativa de produção e distribuição cultural, alcançando o grande público, escolas e faculdades.

Com inscrição gratuita, você pode se inscrever pelo site www.cnnp.com.br.
 O Concurso é uma realização da Vivara Editora Nacional e conta com o Apoio Cultural da  Revista Universidade.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...